Bom dia pessoal, tudo bem com vocês? Hoje queria trazer um assunto muito frustante e que as famílias de crianças com necessidades especiais passam.

Uma das maiores dificuldades é encontrar um Colégio que realmente tenha o suporte necessário para se trabalhar com a educação de uma crianças especial, seja em estruturas físicas, seja em suporte pedagógico e seja em relação a profissionais qualificados (esse aqui digo não apenas professores, mas auxiliares, diretores, secretaria, financeiro etc).

Hoje o Colégio que meus filhos frequentam é demais, ADORO, mas infelizmente no mundo em que vivemos, ainda mais com os problemas financeiros que a crise mundial está trazendo para todos, tem dificultado e iniciei uma busca por Colégios novamente, que pudessem me dar o amparo pedagógico que a Melissa necessita e que realmente "coubesse em nosso bolso".

Vocês sabem que já procurei diversos colégios e já visitei mais de 10 escolas no passado. Este ano aqui, novamente, cheguei a falar com mais 5 colégios diferentes.

Quando estou nessa busca, tento conciliar tudo, principal seria o financeiro e que tivesse um suporte pedagógico adequado e depois a logísitca, porque não adianta também eu achar um colégio que conseguimos pagar e depois levar mais de 30 minutos para chegar... Isso começa a ser inviável, ainda mais porque temos que pegar a Melissa para fazer as terapias no contra-turno e o Eric fica integral, ou seja, teríamos que retornar no Colégio final do dia novamente.

Bem, eu cheguei a achar um Colégio, aqui perto de casa, onde tudo estava perfeito. Tinha sido indicação de uma amiga. Pensem que há uma semana estava falando com o Colégio, negociando a questão financeira e aí finalmente, marcamos de visitar o Colégio. Iria visitar ontem, dia 29 de Julho, logo cedinho.... Quando às 07h37 me liga a pessoa com quem conversou comigo todos esses dias, dizendo que precisava me dizer duas coisas... 

A primeira que não tinha recebido ainda o retorno financeiro sobre a proposta que eu tinha passado, até aí tudo bem, poderíamos aguardar mais um pouquinho... e foi aí que veio a BOMBA... ela me disse: "Então, outro ponto que queria falar com você, como você me disse que a Melissa tem Síndrome de Down, fui falar com a Direção sobre isso, e assim, aqui no Colégio trabalhamos apenas com 1 aluno com laudo por turma, e no caso, hoje temos 1 aluno com laudo de Autismo no primeiro ano de manhã e outro no primeiro ano de tarde e normalmente todos os alunos que entram no Infantil aqui seguem até o nono ano, então neste caso, não teria vaga para a Melissa".

Imaginem como eu não fiquei P da vida... Falei para ela o quanto eu estava frustrada, que ela poderia ter me falado isso desde o primeiro dia em que conversamos, que deixou rolar toda esta semana para me ligar no dia da visitação e falar que não tinha vaga para a Melissa porque tem Síndrome de Down. Me deixou com a expectativa, estávamos falando todos os dias e aí vem com essa história... 

Fique muito triste e ao mesmo tempo MUITO revoltada. Falei com meu advogado a respeito deste assunto e agora verei como tratar isso.

Completei minha conversa com ela dizendo que nas próximas conversas com famílias, que ela já analisasse esse tipo de coisa e já verificasse a vaga, antes de ficar verificando com financeiro e marcando visitação, pois isto é falta de respeito e consideração. E que esperava que ela tivesse ciência do que fez para que não acontecesse com outras famílias.

Aqui não mencionarei o nome do Colégio, mas podem ter certeza, que este Colégio entrou em minha lista para alertar os pais que me procurarem terem o cuidado quando falarem com eles e pensarem bem a respeito.

Bem pessoal, hoje realmente queria passar esse ocorrido, para que vocês pudessem abrir os olhos e não passarem por uma frustração como a que eu passei, afinal de contas, já enfrentamos tantos problemas no dia a dia, a nossa luta é diária e apenas quem está dentro dessa batalha, sabe o quão difícil é. Quem não vive isto diariamente, não tem noção das dificuldades que enfrentamos.

Um grande abraço a todos, continuem na fé que tudo dá certo e acredito muito que nada é por acaso em nossas vidas... às vezes Deus nos coloca impecílios para nos poupar de frustrações ainda maiores.

Até semana que vem pessoal!