Bom dia pessoal! Como vocês estão?

Essas duas últimas semanas foram muito intensas, fiz dois cursos de alfabetização! Um foi uma imersão para entender um pouco quais são os métodos, abordagens entre outros aspectos para um melhor processo de alfabetização de crianças com Apraxia de Fala e o outro foi um curso efetivo de alfabetização com auxílio do Multigestos.

Como vocês sabem, tenho usado o Multigestos para desenvolver a fala da Melissa e tem dado MUITOS BONS resultados e este ano ela deslanchou. A quarentena foi bom, porque eu pude ficar mais em cima dela para isto acontecer também.

Aproveitei para fazer este curso voltado para alfabetização justamente para poder umir uma coisa na outra e poder ajudá-la ainda mais, entendendo os métodos de alfabetização e vendo como a escola da Melissa trabalha e como poderemos ajudar nos materiais adaptados para que ela consiga ser alfabetizada.

Uma das coisas importantes do curso foi entender quais os pontos principais para um processo efetivo de alfabetização.

Pude aprender o quão importante é a criança estar com a consciência fonológica apurada (é consciência que ela tem dos sons que cada letra faz individualmente e poder depois fazer a junção dessas letras para gerar as sílabas). Esse é o processo de consciência do fonema.

Depois tem o processo de conhecimento do grafema, que seria a letra em si e aí vai o ponto chave, quando essa consciência fonológica está bem apurada, a criança consegue fazer a ligação entre fonema e grafema de forma mais rápida. 

Pessoal, não digo que será fácil, todo esse trabalho demanda tempo, dedicação e parceria de todas as partes (Família x Escola x Profissionais), mas vale a pena!

Existem 3 habilidades preditoras que são chave para que todo esse processo seja bem sucedio e são elãs: consciência fonológica, memória fonológica de curto prazo e acesso rápido ao léxico.

O que seria a memória fonológica de curto prazo? É aquela memória onde a criança consegue entender os sons das letras, depois entender a grafia dela e conseguir juntar tudo isso, mas depois manter em sua memória... Como se conseguisse "guardar" em uma de suas caixinhas dentro de sua cabeça. 

Quando isso acontece, significa que a criança já conseguiu entender e consegue já guardar isso e fazer uso com maior frequência.

E aí vai o outro ponto que seria o acesso rápido ao léxico, que seria a criança conseguir de maneira rápida e mais automática acessar essas memórias e conseguir produzir os sons necessários. Esse trabalho é bem legal, mas para que tenha efeito, volto a dizer que o principal é ter a consciência fonológica bem trabalhada.

Bem, depois de entendermos a base do processo, vem os passos em como podemos auxiliar nossas crianças no processo de leitura e escrita.

Mas acredito que posso fazer um artigo específico para cada assunto, pois, realmente, como falei, foram muitas informações, momentos intensos e minha cabeça a mil com muitas idéias e certeza que tudo é possível.

Bem, esta semana recebi uma mensagem de whatsapp da Psicopedagoga Paula com vídeo e fotos de alguns trabalhos que ela fez com a Melissa na semana anterior... Depois de ter feito esses cursos e aí receber isso da Paula, pude ver que o trabalho está sendo feito e conseguiremos intensificar em casa, como disse, parceria super importante entre Família x Escola x Profissional.

Observem o vídeo, foi um trabalho que a Paula fez de acesso rápido ao léxico.

CURSO DE ALFABETIZAÇÃO - MULTIGESTOS

CURSO DE ALFABETIZAÇÃO - MULTIGESTOS

CURSO DE ALFABETIZAÇÃO - MULTIGESTOS

CURSO DE ALFABETIZAÇÃO - MULTIGESTOS

CURSO DE ALFABETIZAÇÃO - MULTIGESTOS

@PaulaCandota obrigada por compartilhar esses momentos que ela tem contigo dentro da sala, realmente fico feliz e com certeza esse trabalho em conjunto dará muitos resultados para o futuro da Melissa.

Bem, eu sempre tentarei trazer para vocês o máximo de informações e espero poder ajudar vocês de alguma formas.

Obrigada por nos acompanharem e até a semana que vem!!!